QUER RECEBER CONTEÚDO EXCLUSIVO E GRATUITO "OS 6 PRINCIPAIS NUTRIENTES"?​

* Não vamos distribuir seu e-mail

Você sabia que a artrose é a doença mais incapacitante para a população idosa?

Você tem em média 60 anos e já deixou de realizar atividades do dia-a-dia por conta de dores nas articulações? Suas mãos, joelhos ou quadris doem com frequência?

Esses são alguns sinais de que você pode estar sofrendo de osteoartrite. Saiba mais sobre essa doença tão preocupante para os idosos aqui na Learne Saúde.

As osteoartrites (OA), grupo do qual fazem parte as artroses e osteoartroses, são caracterizadas em termos gerais pela inflamação das articulações, resultando em anomalias nos tecidos.

Segundo pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte:

“A osteoartrite é uma doença articular degenerativa crônica, que ocasiona aos indivíduos alterações articulares, musculares, mecânicas e biológicas específicas, as quais afetam mudanças de cartilagem de degradação e de tecidos, associadas com o crescimento e a remodelação da cartilagem. Ela afeta diretamente a realização de atividades cotidianas e, consequentemente, acarreta maior vulnerabilidade e dependência, contribuindo para a diminuição do bem-estar e da qualidade de vida dos idosos”.

Considera-se como causa principal das osteoartrites as interações entre ossos e cartilagens que ocasionam degenerações e calcificações ósseas, além de lesões nas cartilagens.

De acordo com pesquisadores da Universidade de Adelaide, na Austrália, há alguns fatores de risco que nos tornam mais propícios a desenvolver orteoartrites, tais como: obesidade, fraqueza muscular, características ocupacionais, alimentação, esportes de alto rendimento, entre outros.

Dentre esses, evidências apresentadas em estudos realizados por diversas universidades australianas apontam que a obesidade, em especial, está relacionada diretamente com a inflamação, contribuindo para o agravamento da osteoartrite do joelho.


Por outro lado, pesquisadoras da Universidade de Franca, da Universidade Estadual de Campinas e da Universidade Católica de Minas Gerais descobriram que a redução da massa muscular torna-se evidente a partir dos 60 anos de idade.

Isso se dá principalmente por conta de alterações da densidade mineral óssea e da quantidade de massa muscular, que ocasiona diminuição da força muscular, dificuldade de realizar atividades cotidianas e, consequentemente, perda da independência do idoso.

Outro fator preocupante foi apontado pela Internacional Associaton for the Study of Pain, qual seja, a osteoartrite é a doença considerada mais incapacitante para os idosos.

Segundo a Associação, há cerca de 27 milhões de pessoas afetadas pela doença nos Estados Unidos e 8,5 milhões no Reino Unido.

No entanto, mesmo com um diagnóstico comprovado através de exames radiográficos, somente 10% a 15% da população mundial apresenta algum sintoma da doença, como sentir dor.

As articulações mais acometidas pelas osteoartroses são a dos joelhos, mãos e quadris.

Além disso, a dor na região lombar pode estar relacionada, em alguns casos, à mudanças causadas na coluna vertebral pela osteoartrose.

Outro estudo – realizado pela Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz, com a Universidade de Warwick e a Universidade de São Paulo – feito com uma amostra de 1.769 indivíduos com idade superior a 60 anos concluiu que a artropatia (doenças que acometem as articulações), principal causa de incapacidade física entre idosos, foi a segunda condição crônica mais frequente encontrada nesta população, exercendo significativa influência na dependência funcional destas pessoas.

Deste modo, se você tem aproximadamente 60 anos é importante se atentar para os sinais das osteoartrites e cuidar da saúde de suas articulações, para não ser impossibilitado de realizar as atividades do cotidiano.

Recomendado para você

Tratamento definitivo para Diabetes 


 

 

 

 Um estudo alemão mostrou que níveis altos de açúcar no sangue prejudicam a cognição e pode levar à perda de memória

Para combater o excesso de glicose no organismo, uma pesquisa inédita realizada descobriu um antídoto extraído de fruta

CLIQUE AQUI para saber mais

Conteúdos Relacionados

Receba nossos conteúdos gratuitos sobre saúde natural

Ao se cadastrar, você concorda com os nossos Termos de Política e Privacidade, incluindo o uso de cookies.

Artigos Recentes

Aprecie mais a vida​

Participe Lista VIP da Leever para ter acesso exclusivo a dicas de fitness e notícias de saúde para ajudar a aumentar sua vitalidade.

Guias de Saúde​

Planos de refeições​

Pesquisas Recentes

* As opiniões e opiniões expressas pelos colaboradores e / ou pelas análises de produtos são suas e não necessariamente da Learne Saúde…

Somos uma empresa que foco único em saúde natural, através da distribuição do nosso conhecimento compartilhamos conhecimento em saúde natural, juntamos os melhores profissionais para trazer a você o melhor da saúde vinda através da natureza.

CNPJ: 23.742.740/0001-07
Endereço: Rua: Margarida Dias D Sá Jatobá, n° 25
Bairro: Parque Jatobá (Nova Veneza)
Sumaré/SP
CEP: 13.175-644

Curta a Learne

Nossa Lista VIP